Campo Alegre de Lourdes (BA): Superação, após 10 dias em estado grave com Covid-19, paciente recebe alta e deixa o hospital

Sheila CAL

Uma paciente de 32 anos que estava em estado grave com Covid-19, recebeu alta após passar por três transferências hospitalares e 10 dias em estado grave. Sheila da Luz Sousa, que tem diabetes, deu entrada no hospital da sua cidade de origem, Campo Alegre de Lourdes, no Norte do estado da Bahia, no dia 21/04, apresentando falta de ar, cansaço, febre, tosse, diarréia e vômito.

Segundo a Secretaria de Saúde de Campo Alegre de Lourdes, o exame que diagnostica a Covid-19 foi coletado e a paciente foi encaminhada para o Hospital Regional de Juazeiro, onde soube que havia testado positivo para o Coronavírus. Seu quadro piorou e Sheila teve que ser levada para a UTI e entubada.

De acordo com Sheila, boa parte do período em que esteve internada não se recorda. “É uma sensação muito ruim, principalmente, por não ter a minha família por perto. Antes de me entubarem, cheguei até a fazer uma chamada de vídeo para me despedir dos meus familiares e filhos”, conta, emocionada.

Em Juazeiro, a paciente se manteve estável na UTI. Não havendo melhora no seu quadro, os médicos decidiram transferi-la para Salvador, para o Hospital Espanhol, unidade de campanha para tratamento exclusivo de pessoas com Covid-19.

Sheila conta que os médicos informaram aos seus pais que ela estava respirando apenas 30% de sua capacidade pulmonar. “Eles ainda falaram que meu batimento cardíaco estava muito fraco, e quase não conseguiram me reanimar”, disse.

Os pais da paciente que acompanharam todo o tratamento a distância, uma vez que são mais de 800km de Campo Alegre de Lourdes a Salvador, conta que viveram dias angustiantes.

“A Sheila ficou numa situação que para o entendimento do médico ela não voltaria mais pra cá, mas Deus estava trabalhando e eu tinha fé que Ele iria tirar ela dessa. Foi um milagre!”, afirma o pai, Manoel da Luz Sousa.

No Hospital Espanhol, a paciente ficou internada por alguns dias, onde teve uma melhora progressiva no quadro, o que possibilitou a sua saída da UTI e do aparelho respirador. No entanto, teve de passar pela terceira transferência de hospital, quando um outro paciente com Covid-19 usou um isqueiro e ateou fogo em um colchão, no andar superior em que Sheila se encontrava.

Então, a paciente foi transferida para o Hospital Couto Maia e evoluiu com melhora progressiva do estado geral, permanecendo com respiração espontânea, sem uso de oxigênio suplementar, quando recebeu alta no último dia 11 de maio e pôde retornar a sua cidade.

O município de Campo Alegre de Lourdes prestou e está prestando todo o apoio necessário a ela e aos seus familiares. Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde disse “a paciente é uma grande vitória para a cidade. Mesmo com todos os problemas de saúde que a acometia, ela venceu a Covid-19.”

Vida pós-Covid-19

A vida pós Covid-19 requer muitos cuidados, conforme conta a paciente. “Os médicos me indicaram continuar em isolamento social, para que eu não corra o risco de pegar o vírus novamente, e é o que eu estou fazendo, e indico para todos, se cuidem!”, disse Sheila.

Ascom Prefeitura de Campo Alegre de Lourdes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s