Bahia: Estudantes da rede estadual recebem a quarta parcela do vale-alimentação estudantil

Os estudantes da rede estadual de ensino de toda a Bahia já estão realizando compras com a quarta parcela do vale-alimentação, cujo crédito, no valor de R$ 55 por estudante, foi liberado nesta segunda-feira (26/10). Nesta nova parcela, assim como nas três anteriores, foram destinados mais R$ 44 milhões, totalizando um investimento de R$ 176 milhões de recursos próprios do Estado.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou a importância do benefício. “Mesmo em um momento de perda de arrecadação no Estado, o Governo da Bahia destina mais R$ 44 milhões para o auxílio vale-alimentação, visando a segurança alimentar dos estudantes da rede estadual: aproximadamente 800 mil. Além disto, a iniciativa contribui para movimentar a economia, em todos os 417 municípios baianos, distritos e povoados”.

Para o acesso ao benefício, o estudante deve usar o mesmo cartão utilizado anteriormente, com a bandeira Alelo. As compras podem ser realizadas em mais de 18 mil estabelecimentos. O recurso é destinado, exclusivamente, para a compra de gêneros alimentícios, como feijão, arroz, macarrão, carne, frango, frutas, verduras, café e leite, sendo que a aquisição dos alimentos é de livre escolha dos estudantes.

A dona de casa Tatiana Silvestre Lima, 37 anos, mãe do estudante Henrico Augusto Silvestre, 14, que possui deficiência auditiva e cursa o 6º ano, no Colégio Estadual Mestre Moa do Katendê, em Salvador, foi cedo com o filho, na unidade da Cesta do Povo do bairro Ogunjá, para fazer as compras de alimentos. “Gostei muito da iniciativa do governo em nos beneficiar com mais uma parcela do vale-alimentação. Este valor de R$ 55 vai ajudar muito nas despesas de casa”, disse.

Quem também já garantiu a compra foi a estudante Ana Clara de Jesus, 20, 3º ano, do Colégio Estadual Cidade de Curitiba, em Salvador. “Moro sozinha com a minha mãe, que é aposentada, e este benefício ajuda muito nas despesas, pois priorizo alimentos como feijão, arroz, café, açúcar e macarrão, entre outros, que servem para nós duas”, disse, após utilizar o vale-alimentação na Cesta do Povo do Ogunjá.

Orientações

A Secretaria da Educação do Estado reforça a orientação para que vá ao supermercado apenas um membro da família, seguindo todas as normas de segurança, como o uso de máscaras de proteção individual, em função da pandemia pelo novo Coronavírus. Em caso de dúvidas, o estudante pode entrar em contato com a escola onde está matriculado. A secretaria também disponibiliza os canais da Ouvidoria pelo 0800 284 0011, pelo e-mail ouvidoria@educacao.ba.gov.br ou pelo Fale com a Ouvidoria, disponível no Portal da Educação.

Secom BA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s