Juazeiro (BA): Oposição na CMJ emite nota contra intervenção da prefeita na Guarda Municipal

“A bancada da Oposição na Câmara Municipal de Juazeiro (CMJ), se posiciona contra uma das primeiras medidas da prefeita Suzana Ramos (PSDB): a indicação, para o comando da Guarda Municipal (GCM), de um servidor admitido em 2019, ainda em estágio probatório.

Isso fere o direito da categoria. É essencial barrar essa iniciativa e impedir que a legislação da GCM seja rasgada. Que a Câmara Municipal não acate a indicação e que a prefeita corrija o seu erro. Essa medida pode atrapalhar o belíssimo trabalho realizado pela Guarda Municipal na cidade.

Juazeiro não pode vivenciar o que o presidente Bolsonaro tem feito no Brasil: nomear reitores de universidades que não foram eleitos ou procuradores fora da lista tríplice.

A Prefeitura deve respeitar a lei da hierarquia, o plano de cargos, carreira e salários, estabelecidos desde 2016. Somos contra essa medida. Se a legislação for atropelada, acionaremos a Justiça. A escolha deve respeitar os princípios legais previstos nos estatutos da GCM.

Todo apoio à Associação dos Guardas Civis Municipais de Juazeiro e à categoria, que debateu o problema e, seguramente, tomará medidas contra essa intervenção. Na assembleia dos trabalhadores, representaram a oposição os vereadores Dr. Salvador Carvalho e Mitu do Sindicato, ambos do PCdoB.”

Juazeiro-BA, 06 de janeiro de 2021.

ASSINAM:

Salvador Carvalho
Lourival Quirino
Mitu do Sindicato
Alex Tanuri

Ascom Oposição CMJ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s