Juazeiro (BA): Vereadores de oposição defendem revogação de Lei que prejudica servidores da saúde

Buscando evitar o aprofundamento da crise nos serviços de saúde em Juazeiro, os vereadores Alex Tanuri, Dr. Salvador Carvalho e Mitu do Sindicato divulgaram nota cobrando do presidente da Câmara, Berg da Carnaíba, e da prefeita, Suzana Ramos, a votação do projeto de lei que revoga o interstício de três meses para recontratação de servidores temporários. O PL foi apresentado em abril após a crise provocada pelo processo seletivo para profissionais da educação. Diz o texto:

“Em abril deste ano, apresentamos projeto de lei revogando o artigo da Lei do REDA que exige o intervalo de três meses para que um profissional seja recontratado pela Prefeitura de Juazeiro. Este dispositivo nunca foi seguido nas gestões anteriores e a prefeita, de forma intransigente, vem se negando a mobilizar sua base para aprovar a mudança.

Entendemos que a Câmara não pode se curvar aos interesses do executivo e precisa exercer sua autonomia. Por esta razão, cobramos ao presidente, que coloque em votação o projeto apresentado. Pedimos também à Suzana Ramos que se sensibilize e evite o caos que pode se instalar pela falta de servidores. Sem isto, pode haver um pedido de demissão em massa dos atuais contratados e isto acarretaria o desmonte de serviços que já funcionam com comprometimento em sua qualidade pela falta de investimentos do governo atual”.

Ascom Vereador Mitu do Sindicato

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s