Bahia: Juazeiro é uma da poucas cidades baianas incluídas no Mapa do Turismo Brasileiro

Juazeiro é uma das 128 cidades da Bahia que já podem comemorar a sua inclusão no Mapa do Turismo Brasileiro. A conquista é resultado de um esforço da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (Seculte), para valorizar o potencial turístico do município.

A prefeita Suzana Ramos celebrou o momento. “Nós estamos dando mais um passo importante para consolidar Juazeiro como destino turístico. Ganha os moradores, a cidade e os turistas que irão nos visitar, pois estamos melhorando a infraestrutura da cidade para fortalecer esse setor tão importante que foi um dos mais prejudicados durante a pandemia. Com o turismo forte, novas empresas e investidores vão chegar aqui, como já vem acontecendo. Estamos no caminho certo”, declarou a gestora.

O secretário de Cultura, Turismo e Esportes de Juazeiro, Sérgio Fernandes, explica o passo a passo para conseguir o certificado. “Tivemos cerca de 4 meses de trabalho para reunir a documentação necessária e cumprir todas as etapas definidas pelo Governo Federal e pela Secretaria de Turismo da Bahia. Agora, com a emissão do certificado de inclusão no Mapa do Turismo Brasileiro, podemos comemorar essa conquista e, a pedido da prefeita Suzana Ramos, tornar Juazeiro um destino turístico consolidado”, destacou.

Etapas

Desde a criação do Programa de Regionalização do Turismo, os municípios precisam cumprir várias fases para serem inseridos no Mapa do Turismo Brasileiro. Além de outras etapas, um questionário com mais de 200 perguntas precisa ser respondido para justificar a inclusão do município no Mapa, discriminando os equipamentos turísticos, os atrativos, roteiros e destinos.

De acordo com o consultor da Seculte, Edvaldo Franciolli, com a inclusão no Mapa, Juazeiro, hoje, é identificada como categoria B, de acordo com a escala de classificação no Ministério do Turismo, que vai de A a E. “Isso para o município é extremamente significativo, porque apenas 20 cidades baianas estão enquadradas na categoria B e 5 na categoria A. Alinhada à nossa inclusão no Mapa, construímos, também, o nosso plano estratégico do turismo, que vai nos permitir planejar ações para o desenvolvimento turístico local e regional, e, agora, com a chancela do Ministério, estamos autorizados a criar roteiros turísticos, apresentar projetos ao Governo Federal e receber recursos, entre outros benefícios”, explicou.

Ascom PMJ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: