Juazeiro (BA): Advogados emitem nota sobre o caso de jovem vítima de violência sexual

Os advogados Caio Guerra Gurgel e Camila Carvalho emitiram uma nota de esclarecimento, sobre o caso da estudante Vitória Barbosa Brito, de 20 anos, que afirma ter sido vítima de agressões e violência sexual, na noite de sexta-feira (04/12), em Juazeiro, norte da Bahia.

O suspeito de praticar o crime é um ex-colega de escola da garota, que a convidou para um passeio, mas a sequestrou usando uma moto e agrediu e tocou em suas partes íntimas em local ermo, às margens da BR-235. A vítima também se queixa que a Delagacia da Mulher em Juazeiro, fez pouco caso do seu ralato e cobra ações da Policia Civil contra o acusado. Em nota a Policia Civil em Juazeiro, se comprometeu a investigar o caso.

Confira a nota dos advogados:

NOTA À IMPRENSA

“Os advogados Caio Guerra Gurgel e Camilla Carvalho, vêm, através desta nota,
informar que foram constituídos por Vitória Barbosa Brito, para acompanhar as
investigações sobre o caso em que ela figura como vítima de um possível crime de natureza sexual, bem como, a respectiva e futura ação penal decorrente de tal investigação, na condição de Assistentes da Acusação, conforme posição legal cravada no art. 268 do Código de Processo Penal.


Esses advogados estão cientes da extrema gravidade dos fatos narrados pela sua cliente e envidarão esforços necessários para acompanhar e colaborar com as investigaçõesiniciadas pela Polícia Civil do Estado da Bahia, buscando esclarecer todos os detalhes que digam respeito ao deslinde do caso.

É de se ressaltar que os procuradores constituídos não coadunam com nenhuma
tentativa de condenação precoce do investigado, sabendo respeitar os princípios da ampla defesa, do contraditório e da presunção de inocência garantidos na nossa Constituição. Contudo, os mesmos acreditam na versão apresentada pela cliente, e trabalharão no sentido de trazer as provas necessárias à comprovação da mesma.

Por fim, cumpre salientar que a Srtª. Vitória Barbosa Brito, não está psicologicamente em condições de relembrar os dolorosos fatos sofridos no último dia cinco deste mês. Está é a razão mãe desta nota. Nesse sentido, os advogados subscritores dessa nota se colocam à disposição para esclarecer todos os fatos ligados ao caso.”

Juazeiro-BA, 11 de dezembro de 2020.

Caio Guerra Gurgel – OAB/BA 36.986

Camila Carvalho – OAB/BA 62.299

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s